Enterrados em Taboão corpos de casal atropelado por boliviano

Por Edimon Teixeira | 27/03/2012

Os corpos de Freitas Gomes Leite, de 35 anos, e JéssicaSilva, 20, casal de namorados atropelados no final da noite de domingo, (25, na Rua Bresser, no bairro do Belém, zona leste da capital paulista foram enterrados na manhã desta terça-feira (27) no cemitério Valle dos Reis, próximo ao km 275 da Rodovia Régis Bittencourt, no Jardim Monte Alegre, em Taboão daSerra.

Freitas e a noiva dele voltavam do culto de uma igrejaevangélica quando foram atropelados na calçada por uma Kombi que, de acordo comtestemunhas tinha pneus em mau estado de conservação. O motorista fugiu sem prestar socorro. A jovem morreu no local, já o namorado dela ainda foi atendidono pronto-socorro municipal do Tatuapé, mas não resistiu. O casal estava junto havia dois anos e iriam se casar em setembro.

Imprudência

O comerciante boliviano Oswaldo Choque Ortiz, de 37 anos, responsável pelo atropelamento foi indiciado por homicídio culposo,com dolo eventual e omissão de socorro.  Ortiz foi transferido para a carceragem do 77ºDistrito Policial, de Santa Cecília, no centro da capital, pois teve a prisãotemporária, de 10 dias, decretada pela Justiça.

Dentro da Kombi conduzida pelo boliviano foram encontradas duas latas de cerveja. Ele disse àpolícia que as latas eram do carona dele, mas não soube informar o nome desta pessoa. De acordo com a esposa dele, Angelina Baltista, o marido, antes doacidente, havia ingerido bebida alcoólica e saído de casa bastante alterado.

O comerciante afirmou à polícia que não estava bêbado e que deixou o local do acidente, a pé,sem prestar socorro, pois temeu ser linchado por testemunhas. Após se apresentar na delegacia na noite desta segunda-feira, 26, o boliviano passou por exame de dosagem alcoólica, cujo resultado pode demorar até uma semana paraficar pronto.

Comentários