Evilásio vai a Brasília assinar municipalização da BR

Por Sandra Pereira | 1/04/2011

O trecho urbano da Régis Bittencourt em Taboão da Serra será municipalizado entre o retorno do Inocoop e a saída da para a Avenida Francisco Morato, em São Paulo. Na próxima terça-feira, 5, o prefeito Evilásio Farias irá a Brasília entregar ao Departamento Nacional de Estradas e Rodagens (Denit) o ofício no qual ele aceita a municipalização da rodovia.

Com a municipalização a prefeitura de Taboão da Serra passa a ser a responsável direta pela administração, manutenção e todos os serviços compreendidos no trecho municipalizado. Outra novidade é que a Polícia Rodoviária Federal e a OHL vão deixar de atuar no trecho sob responsabilidade da prefeitura.

O prefeito Evilásio Farias disse que a lógica da PRF de tratar o trecho urbano da Régis Bittencourt em Taboão da Serra  como estrada está errada, pois o local reúne todas as características de uma avenida urbana.

Desde que a OHL assumiu a administração da Régis Bittencourt a prefeitura de Taboão começou, a empresa e até a PRF tiveram vários atritos motivados por conflitos no sistema de gestão do local. Funcionários da defesa civil já foram proibidos de fazer a limpeza do canteiro central, os marronzinhos ficaram proibidos de multar e de controlar os semáforos e até mesmo o Samu foi preterido no atendimento a vítimas de acidentes.

A municipalização da Régis Bittencourt foi defendida pelo vereador Olívio Nóbrega, que chegou a acompanhar o prefeito Evilásio Farias à Brasília várias vezes. “ Nenhuma cidade do país teve um trecho de uma rodovia federal municipalizado. Dessa forma garantimos a soberania sobre o nosso território”, disse Olívio Nóbrega.



Comentários