Prefeitura de Embu-Guaçu decreta estado de emergência e comércios deverão ser fechados

Por Redação | 20/03/2020

A prefeitura de Embu-Guaçu decretou estado de emergência devido à pandemia do coronavírus. A informação foi confirmada durante pronunciamento da prefeita Maria Lúcia durante uma live nesta quinta-feira, dia 19.

Por conta do novo decreto, uma série de providências foram tomadas na cidade. “Embu-Guaçu não possui nenhum caso de coronavirus confirmado, mesmo assim esta municipalidade está tomando toda as medidas preventivas”, informou.

Com o decreto, o comércio da cidade deve fechar as portas na próxima segunda-feira, dia 23, e só reabrir a partir do dia 5 de abril. Apenas supermercados, farmácias, açougues, padarias, postos de combustíveis, lojas de conveniência, restaurantes, lanchonetes, lojas de produtos para animais e feiras livres poderão abril.

As aulas da rede pública municipal também estão suspensas. Já os bancos da cidade devem realizar atendimentos contingenciados para evitar aglomerações.

A administração municipal ainda informou que atendimentos presenciais também foram suspensos e que os munícipes podem enviar suas demandas por telefone e por e-mail. Funcionários públicos com 60 anos ou mais, lactantes, portadores de doenças respiratórias e gestantes também foram dispensados, execeto da saúde e segurança.

“Pedimos a compreensão de todos, pois a secretarias estão com o contingente reduzido”, pediu ainda a prefeita.

Comentários