Policial Civil lamenta morte de agente do 2°DP de Taboão da Serra

Por Natália Bassi e Sandra Pereira | 9/12/2020

A Polícia Civil de Taboão da Serra lamentou a morte do agente Valdinei Aparecido Pangoni, que morreu nesta terça-feira, 8, aos 53 anos. Pangoni atuou por anos como policial civil na região e atualmente estava lotado no 2°DP de Taboão da Serra.

O policial estava internado desde a semana passada, mas a causa da sua morte é desconhecida. No entanto, pessoas próximas a Pangoni informaram que apresentava sintomas de Covid-19. Seu velório e enterro aconteceram no Cemitério Cristo Rei, em Juquitiba. 

Valdinei tinha 25 anos dentro da corporação, mas há 4 prestava seus serviços no 2° de Taboão da Serra. O delegado titular da unidade, Dr. Altamiro Nunes, lamentou a morte do amigo. Falar do policial Pangoni é motivo de alegria e orgulho, uma pessoa muito especial que desenvolveu até o último dia, o seu mister com dignidade e transparência”, disse ele. 

O delegado ainda informou que conheceu Pangoni  há muitos anos, quando ele ainda trabalhava no 1 DP de Embu das Artes. Ele também trabalhou na em diversos setores da  Delegacia Seccional de Polícia de Taboão da Serra, inclusive no Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra). 

“A sua falta agora, ecoa aos quatro cantos da nossa região. Essa tragédia mexeu com todos. Mostrando a importância da amizade, fraternidade e colaboração de todos que o conheceram, pessoas que tiveram contato com esse profissional de polícia que sempre esteve engajado com o bom atendimento ao público, trabalhador, dinâmico, muito à frente de seu tempo”, finalizou o delegado. 





Comentários