Emenda de Analice Fernandes destina R$ 900 mil para Saúde de Taboão da Serra

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 3/05/2020

A Deputada Analice Fernandes informou nas suas redes sociais em um vídeo publicado na sexta-feira, dia 1, que uma emenda de sua autoria destinará R$ 900 mil à Saúde de Taboão da Serra.

 “Dia 29 de abril foi publicado no Diário Oficial do Estado a liberação de uma emenda nossa no valor de R$ 900 mil para a Secretaria Municipal de Saúde de Taboão. Em breve, os recursos estarão liberados e poderão financiar as ações contra o coronavírus, assim como outras de prevenção e cuidado à saúde”, ressaltou Analice.

A deputada ainda pediu a população para que fique em casa, mas caso seja necessário sair, para usar máscaras. Ela também recomendou que a lavagem frequente de mãos com água e sabão.

Casos de Covid-19 na cidade

Taboão da Serra, que tem maior densidade demográfica do país, com cerca de 13 mil habitantes por quilometro quadrado, é a cidade mais afetada pelo coronavírus na região.

Neste sábado, dia 2, o município alcançou a marca de 25 mortes. Ainda foram registrados 211 moradores infectados, sendo que destes, 116 já foram curados. Outras 174 aguardam o resultado de exames e 262 tiveram as suspeitas descartadas. Ao todo, mais de 672 casos foram notificados.

Para barrar a proliferação do vírus na cidade, a prefeitura tem adotado uma série de medidas desde o início a pandemia para evitar a proliferação do vírus. Foi inaugurado na cidade o Hospital de Campanha, para atender exclusivamente moradores diagnosticados com a doença.

Ruas, calçadas, entradas e portões de casas em diversos bairros estão sendo desinfectadas diariamente com uma solução a base de água, sabão e hipoclorito de sódio. A lavagem também está sendo feita no entorno do Hospital de Campanha, dos PSs e da UPA.

Na cidade, está decretado estado de calamidade pública e os comércios não essenciais estão proibidos de abrir por tempo indeterminado. As aulas da rede pública municipal também estão suspensas.

A prefeitura também já iniciou a confecção e distribuição de máscaras para doar à população carente da cidade e aos motoristas da Viação Fervima que atuam nas linhas circulares.

Também já foi autorizado o uso da cloroquina no tratamento de pacientes diagnosticados com Covid-19. O medicamento, de acordo com o prefeito, só será aplicado sob prescrição médica e com a autorização da família.

 

 

Comentários