Funcionário é investigado por desviar vacinas de UBS do Jd. São Marcos

Por Redação | 26/03/2020

A Polícia Militar deteve na noite desta quarta-feira, dia 25, dois homens suspeitos de desviar vacinas contra H1N1 da Unidade Básica de Saúde do Jardim São Marcos. A dupla foi encontrada em um veículo fora da unidade com oito seringas, mas liberada após prestar depoimento. A Polícia Civil investiga o caso. 

Os policiais faziam patrulhamento pela rua Rua Augusto Almeida Batista quando, na altura da rua Chile, perceberam que a dupla em um Kia Sportage ficou nervosa ao ver a viatura e resolveram realizar abordagem.

No carro, os policiais encontraram 8 seringas da vacina contra H1N1. Um deles é funcionário da UBSs do Jardim São Marcos e o outro, como quem foi encontrado mais de R$ 2,9 mil, é prestador de serviços da prefeitura.

Na delegacia, os policiais informaram que detiveram os dois porque estavam desviando vacina da administração pública em benefício de amigos. No entanto, a versão não foi confirmada pelos acusados.

O funcionário da UBS disse que a unidade estava desabastecida da vacina e que idosos haviam procurado a dose no local. Considerando que eles fazem parte do grupo de risco, combinou com alguns deles de realizar a vacinação em casa para evitar a circulação desnecessária.

Em depoimento separado, o prestador de serviço confirmou a versão. Ele ainda informou que o dinheiro encontrado em sua jaqueta era de uma dívida que foi paga e que somente esqueceu de deixar a quantia em casa ao sair.

Como não foi possível comprovar o possível desvio, foi instaurado inquérito policial para investigar quem seriam as pessoas vacinadas, o grau de proximidade delas com os suspeitos e se o funcionário da UBS tinha autonomia para decidir vacinar fora da unidade. O caso foi registrado na Delegacia Central de Embu das Artes e dois foram liberados.

Comentários