Em eleição concorrida e marcada por longas filas, Taboão elege seus 5 novos conselheiros tutelares

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 7/10/2019

Em eleição concorrida e marcada por longas filas Taboão da Serra elegeu neste domingo, dia 06, seus cinco novos conselheiros . Raquel Fernandes foi a mais bem votada com 1066 votos, seguida por Léa Reis, que levou 892 votos. Os outros três eleitos para ao cargo foram Paulo, com 654 votos, Nalva Lúcio, com 550, e, por último, Tamiris Vaz, com 528 votos.

Os conselheiros são responsáveis por zelar pelo direito da criança e do adolescente na cidad de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Eles tomarão posse a partir de janeiro de 2020 e permanecerão no cargo até 2023. Ao todo, Taboão teve 16 candidatos.

A eleição que movimentou a cidade foi alvo de muita crítica pelos eleitores, que alegaram completa desorganização na hora da votação. Na cidade, os votos eram feitos em cédulas, não em urna eletrônica, o que atrasou o processo eleitoral. 

“Acho um absurdo a falta de organização da Escola Reverendo [Almir Pereira Bahia] para votação”, desabafou uma eleitora. “Sabemos que a votação não é obrigatória, mas ficar 3 horas em uma fila é uma falta de respeito”, completou.

Durante o processo eleitoral, uma mulher foi levada para delegacia após tirar foto da cédula que ia votar. A mulher foi flagrada pela fiscal e pela presidente da seção e PM foi acionada. Depois de ser abordada, a acusada confessou o delito, mas disse que já tinha apagado a imagem. Ela foi liberada após assinar Termo de Compromisso no DP.

Os eleitores da 324º Zona Eleitoral votaram na Escola Estadual Domingos Mignoli, no Parque Santos Dumont. Já os da 416º Zona Eleitoral elegeram seus representantes na Escola Estadual Reverendo Almir Pereira Bahia, no Parque industrial. A votação começou às 08h e se encerrou às 17h.

Comentários