Adolescente de 14 anos que conduzia moto e bateu em ônibus será sepultado no cemitério da Saudade

Por Mariana Lemos | 3/12/2017

O adolescente de 14 anos, conhecido como Tete, que morreu depois de bater na lateral esquerda de um ônibus circular da linha 5, na rua Cerro Largo, após a ubida da Avenida Cid Nelson Jordano, vai ser sepultado no cemitério da Saudade, nesta segunda-feira, 4, as 10 horas. Segundo testemunhas, o garoto pilotava uma motocicleta quando bateu no lado esquerdo do coletivo na subida da Cerro Largo bem perto da escola quando se desequilibrou, caiu debaixo do ônibus e foi atropelado pelo pneu traseiro do coletivo. A perícia é quem  vai determinar as causas do acidente. Veja fotos aqui.

“Foi muito rápido. Ele bateu na lateral, entrou embaixo do ônibus e o pneu traseiro passou por cima dela. O barulho foi horrível. Nunca tinha visto uma coisa assim”, disse ainda em choque uma mulher que saía de um mercado em frente ao local do acidente.

O menino morreu imediatamente após ser atropelado pelo pneu traseiro do ônibus. O motorista do coletivo ficou transtornado. O acidente aconteceu perto das 13 horas do sábado, 2, e até perto das 20 horas o corpo do garoto permanecia no local onde ele morreu atraindo a atenção dezenas de curiosos que se amontoavam para ver o local da tragédia.

O adolescente morava no Panorama e vivia no jardim Comunitário. Tinha deixado de estudar há quase dois anos, quase o mesmo período em que começou a andar de moto, segundo relato de amigos e familiares. A reportagem do Jornal na Net não conseguiu descobrir no nome de quem estava registrada a moto que ele pilotava quando morreu.

A morte trágica do adolescente foi sentida e lamentada nas redes sociais por amigos dele. Várias mensagens de luto foram postadas em despedida ao menino comumente chamado pelos conhecidos de “Dimenor”.

Comentários