Jorge Costa propõe flexibilizar Lei da Guarapiranga para desenvolver Itapecerica

Por Sandra Pereira | 14/02/2017

Desde os primeiros dias do seu 4º mandato como prefeito de Itapecerica da Serra,  Jorge Costa (PTB), começou a travar uma batalha para adequar a chamada Lei da Guarapiranga, de modo a garantir a preservação ambiental da cidade, localizada em 100% de área de proteção de manancial, sem travar o desenvolvimento.  A Lei nº 12.233, aprovada de 16 de janeiro de 2006, que define a Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais da Bacia Hidrográfica do Guarapiranga impede a instalação de indústrias e empreendimentos em Itapecerica.  

A lei declara a Bacia Hidrográfica do Guarapiranga como manancial de interesse regional para o abastecimento público e cria a Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais da Bacia Hidrográfica do Guarapiranga - APRM-G, situada na Unidade de Gerenciamento de Recursos Hídricos - UGRHI do Alto Tietê. 

A Legislação foi a forma encontrada pelo governo para garantir a preservação ambiental, mas na prática acaba penalizando as cidades com as essas características ambientais. 

Por causa da legislação rigorosa e dos impedimentos que ela traz Itapecerica deixou de ser viável para a instalação de grandes empresas e industrias em geral. Em tempos de crise como acontece atualmente esse fato impeditivo contribuiu para ampliar o problema da falta de empregos e oportunidades consolidando o posto de cidade dormitório que o município carrega. 

Para o prefeito Jorge Costa Itapecerica merece ser recompensada por produzir e armazenar parte da água usada para abastecer a região. 

Recentemente o prefeito se reuniu com o deputado Jorge Caruso (PMDB) para discutir a flexibilização da lei assim como uma forma de compensação para a cidade. Ele quer reunir seus aliados de primeira hora como a deputada estadual Analice Fernandes (PSDB) e o deputado Campos Machado (PTB) a fim de tratar do assunto como governador Geraldo Alckmin.   

“Nosso objetivo é buscar opções para proporcionar sim o desenvolvimento para a cidade, mas respeitando a preservação do meio ambiente. Queremos gerar empregos e trazer avanços para o município”, sustenta o prefeito Jorge Costa.

Comentários