Câmara aprova manutenção de salários do prefeito, vice e secretários em Taboão

Por Sandra Pereira | 15/12/2016

Na última sessão da atual legislatura a Câmara de Taboão da Serra, na terça-feira, 13,  os vereadores aprovaram a manutenção dos  atuais vencimentos dos cargos de prefeito, vice-prefeito e secretários municipais até o dia 31 de dezembro de 2020. Os subsídios foram mantidos em R$ 19.700 para o cargo de prefeito, R$ 13.700 para o vice-prefeito e R$ 16 mil os secretários municipais.

Embora houvesse consenso de que os vencimentos do prefeito, vice e dos secretários deveriam ser mantidos nos valores atuais a sessão foi longa. 

No final dos trabalhos faltou luz e os vereadores iniciaram uma votação nominal, mas antes que ela fosse concluída a energia elétrica foi restabelecida. 

Como manda a lei a matéria foi votada duas vezes para garantir sua validade. 

Os vereadores entenderam que por conta da grave crise econômica não havia como aumentar os salários do prefeito, do vice e nem dos secretários.

Comentários