Simulação de acidente na Régis treina órgãos da região

Por | 15/09/2010

Um caminhão transportando álcool etílico bateu em um automóvel particular deixando um ferido. O acidente aconteceu na Praça de Pedágio de São Lourenço da Serra e precisou da ajuda da Autopista Régis Bittencourt, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil de Itapecerica da Serra e outros órgãos que apoiaram no socorro a vítima. A ação envolvendo os órgãos foi uma simulação realizada pela concessionária que administra a BR-116 (Autopista Régis Bittencourt), na manhã desta segunda-feira, 13.

O simulado teve por objetivo: capacitar e treinar pessoas para atuar juntamente com os órgãos responsáveis, no atendimento a acidentes envolvendo produtos perigosos; apresentar e treinar os procedimentos da Concessionária e dos órgãos envolvidos quanto à realização da ação, estabelecendo uma sequência correta e rápida para a preservação e a contenção do dano ao meio ambiente e do risco à saúde e mostrar os riscos dos acidentes e os recursos empregados pela Concessionária, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, CETESB e demais órgãos.

De acordo com o Coordenador da Defesa Civil de Itapecerica da Serra, Maurício Rocha, o simulado foi interessante pelo aprendizado na ação efetiva em casos com produtos perigosos. “Aprendemos quais são os procedimentos a serem tomados quando envolve produtos químicos. Participamos ativamente da ação, evacuando a área e mantendo os curiosos em um raio de 10 metros em volta, protegendo desta maneira a integridade das pessoas ao redor”, explicou.

Maurício Rocha explicou a Reportagem do Jornal na Net, que o local foi dividido por zonas para a ação efetiva de todos os órgãos. “Os bombeiros devidamente equipados com o EPI (equipamento de proteção individual) e os socorristas (da OHL) trabalharam dentro da zona quente, na zona moderada a Cetesb, bombeiros e socorristas, já na fria a defesa civil. A OHL chegou primeiro e pelo número de identificação no caminhão pode constatar que tipo de produto carregava e já fez a contenção da água pluvial, colocando mantas de absorção ”, disse.

Na execução do simulado, a Concessionária foi responsável pela sinalização, contenção do derrame, resgate de vítimas, remoção de veículos e limpeza do local. Além da equipe da Autopista Régis Bittencourt, o simulado contou com a participação da Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, GEOTEC, ENSEG, Defesa Civil de Itapecerica da Serra, Defesa Civil do Estado de São Paulo, CETESB, Polícia Militar e Hospital Geral de Itapecerica da Serra (HGIS). 

Foto cedida pela Defesa Civil de Itapecerica da Serra

Comentários