Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Lei Maria da Penha não reduziu morte de mulheres por violência, diz Ipea

Por Anderson Dias | 26/09/2013

lei_maria_da_penha2

DivulgaçãoDe acordo com o Ipea, teriam ocorrido no país 5,82 óbitos para cada 100 mil mulheres entre 2009 e 2011

A lei Maria da Penha que recentemente completou sete anos e teve comemorações com atividades no Parque das Hortênsias, em Taboão da Serra, em agosto, cujo o objetivo foi celebrar a lei que defende os direitos da mulher e reforçar que qualquer tipo de violência contra elas está inserido em ato criminal não reduziu morte de mulheres por violência. A revelação foi feita nesta quarta-feira (25), a partir de estudo feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O órgão traz informações que apontam para o não impacto do número de mortes por agressão.

 A lei Maria da Penha (nº 11340), entrou em vigor em 22 de setembro de 2006. Desde a sua criação a meta é fazer valer o rigor contra as agressões domésticas sofridas por mulheres em todo o país, e em consequência do seu papel de extrema relevância na sociedade, fez com que a denúncia contra agressões passasse a ser tratada como questões de ordem pública, e não simplesmente familiar.

 Hoje o Ipea trouxe informações inéditas sobre violência contra a mulher no Brasil. De acordo com o instituto, houve apenas um “sutil decréscimo da taxa de 2007, após a vigência da lei”. Ainda de acordo com o Ipea, teriam ocorrido no país 5,82 óbitos para cada 100 mil mulheres entre 2009 e 2011. O evento que festejou a data no Taboão, pontuou as medidas de prevenções que as mulheres devem usar para buscar ajuda contra agressões, e alertou a como elas podem reconhecer um tipo de violência e como buscar o amparo na lei.

 Mulheres vítimas de violência contam com o Centro de Referência de Atendimento à Mulher, em Taboão da Serra, lá elas encontram ajuda de assessoria jurídica baseados na Lei Maria da Penha, além de apoio psicológico, terapia individual e em grupo, e assistência social.

22/06/2018

Familiares buscam por mulher que está desaparecida há 5 dias em Embu das Artes

Familiares de Pamela Mendonça de Oliveira 31, estão desesperados com o desaparecimento da mulher...

21/06/2018

Corpo aguarda identificação no IML para não ser sepultado como indigente

O corpo de um homem que foi assassinado na última sexta-feira (15) em Juquitiba está sem...

18/06/2018

Itapecerica é apontada como o 2º município mais violento do estado de São Paulo

A cidade de Itapecerica da Serra foi apontada como o segundo município mais violento do estado...

15/06/2018

Petrobras anuncia queda no preço da gasolina nas refinarias

A Petrobras anunciou hoje (15) uma queda de 0,89% no preço da gasolina comercializada em suas...

15/06/2018

Etanol está quase mais caro, mesmo com produção maior

 

 

Alternativa mais barata à gasolina, o etanol também está pesando mais no bolso na hora de...

13/06/2018

Greve dos caminhoneiros custará R$ 15 bilhões para a economia

Os dez dias de greve dos caminhoneiros custarão R$ 15 bilhões para a economia, o equivalente a...

05/06/2018

Homicídios atingem 62,5 mil casos e têm maior nível em 10 anos no país

O índice de homicídios no Brasil em 2016 atingiu a marca de 30,3 para cada 100 mil habitantes,...

24/05/2018

Procon de Itapecerica multou posto acusado de vender combustíveis com preços abu

O Procon de Itapecerica da Serra multou o posto de gasolina que estava vendendo gasolina a R$...

22/06/2018

Mulher e segurança são baleados em assalto a carro forte em Itapececerica

Bandidos armados tentaram assaltar carro forte na tarde desta quinta-feira (21), em Itapecerica...

22/06/2018

Em visita ao Poupatempo, presidente do Fussesp comemora resultados

Nesta quarta-feira (20), a presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo,...

22/06/2018

Familiares buscam por mulher que está desaparecida há 5 dias em Embu das Artes

Familiares de Pamela Mendonça de Oliveira 31, estão desesperados com o desaparecimento da mulher...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.