Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Polícia Federal investiga fraudes em 14 concursos públicos

Por Outro autor | 19/09/2017

carlos_chadas

Divulgação A Polícia Federal solicitou à Fundação Carlos Chagas informações acerca de outros certames que os indivíduos responsáveis por desviar as provas haviam se inscrito   

A Polícia Federal descobriu fraudes em 14 concursos públicos nacionais aplicados pela Fundação Carlos Chagas. Segundo a Operação Afronta II, que encontrou as irregularidades, 47 candidatos se beneficiaram de escutas eletrônicas no momento de realizar as provas. De acordo com a PF, alguns desse candidatos já foram habilitados e empossados nos cargos para os quais concorreram.

Na última segunda-feira (18), a PF cumpriu dois mandados de prisão temporária, quatro mandados de condução coercitiva e dez mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal em São Paulo, nas cidades de Campinas (SP) e Maceió. Os demais candidatos foram intimados para prestar esclarecimentos.

Em outubro do ano passado, a PF deflagrou a primeira etapa da operação, em Sorocaba (SP), para apurar uma fraude no concurso público do Tribunal Regional Federal da 3ª Região para os cargos de técnico e analista judiciário.

Na ocasião, foram indiciados nove membros da organização criminosa: o líder do grupo, o técnico responsável pelos equipamentos eletrônicos, quatro pessoas que desviavam as provas, e três que corrigiam as questões desviadas. Foram indiciados ainda doze candidatos que receberam as questões por meio de equipamentos de ponto eletrônico, e duas pessoas que também tiveram participação na fraude, embora não fossem membros da organização.

A Polícia Federal solicitou à Fundação Carlos Chagas informações acerca de outros certames que os indivíduos responsáveis por desviar as provas haviam se inscrito. Pediu ainda que a fundação fornecesse os gabaritos de respostas de todos os candidatos destes concursos suspeitos.

Os gabaritos foram então encaminhados à perícia, que constatou que a fraude havia sido consumada em 14 certames e que 47 candidatos haviam participado do crime. O sistema também encontrou indícios de cópia de respostas entre candidatos, comumente conhecida como “cola”, em outros 24 certames.

Os candidatos serão indiciados pelo crime de fraudes em certames de interesse público, cuja pena varia de um a quatro anos de reclusão, e pelo crime de
associação criminosa, cuja pena varia de um a três anos de reclusão.

A Fundação Carlos Chagas foi procurada pela reportagem, mas ainda não se manifestou.

15/12/2017

PM realiza Operação Força Metropolitana em Itapecerica da Serra

A Polícia Militar do Estado de São Paulo, por meio do Vigésimo Quinto Batalhão, realizou na...

11/12/2017

Idosa que estava desaparecida em Taboão é encontrada e está bem

Dona Maria Barbosa, 76 que estava desaparecida desde a manhã do último domingo (10), foi...

06/12/2017

PM prende três homens acusados de roubo a supermercado e padaria em Taboão

Policiais do 36º BPMM efetuaram a prisão de três homens acusados de participarem de um roubo a...

05/12/2017

Mulher sobrevive a tentativa de assassinato do ex em Taboão, acusado feriu dois

Uma mulher sobreviveu a tentativa de assassinato do ex-marido nesta segunda-feira, 4, no jardim...

04/12/2017

Mães de alunas do TOP 10 revelam traumas e pedem ajuda para evitar outros casos

Estudantes das escolas estaduais Laerte Almeida São Bernardo, Ugo Arduini, Reverendo Denoel...

03/12/2017

PRF intensifica ação contra roubo de pedestres em pontos e nas margens da Régis

A Polícia Rodoviária Federal (PRF)  vai intensificar a partir desta segunda-feira, 4, a...

30/11/2017

Família de Andressa segue fazendo buscas para encontrá-la, ajude!

A menina de 10 anos, Andressa de Jesus da Silva, está desaparecida desde o dia 27. A Polícia...

29/11/2017

PM cumpre ordem judicial de desapropriação de área em Embu das Artes

A PM cumpre na manhã desta quarta-feira (29), ordem judicial, policiais de desapropria&cc

28/11/2017

PRF Lança novo sistema para localização de veículos roubados e furtados

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) lançou nesta terça-feira (28), um sistema que ajudará na...

15/12/2017

Receita paga hoje o último lote do ano de restituição do Imposto de Renda

A Receita Federal paga hoje (15) o sétimo e último lote de restituição do Imposto de Renda...

15/12/2017

OMS divulga recomendação para não catalogar canabidiol como droga

A Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu recomendação pública para não catalogar o canabidiol...

15/12/2017

Idec alerta para tentativa de fraudes após acordo sobre planos econômicos

Pouco mais de 48 horas depois de oficializada a assinatura do acordo entre a Advocacia-Geral da...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.