Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Promotora de Taboão Maria Gabriela Prado Manssur é homenageada com a medalha Ruth Cardoso

Por Assessoria de Imprensa | 23/03/2015

maria

Assessoria de ImprensaMaria Gabriela atua como coordenadora do Núcleo de Combate à Violência Doméstica em Taboão 

Será na próxima segunda-feira, dia 23 de março, a cerimônia de entrega da medalha Ruth Cardoso, na Assembléia Legislativa de São Paulo, que tem como objetivo homenagear entidades e personalidades que se destacaram pela luta dos direitos femininos. Maria Gabriela Prado Manssur é um nos nomes evidenciados por conta de um longo trabalho que vem realizando para a conscientização da violência doméstica e empoderamento da mulher. 
“É uma honra ser homenageada por conta de um trabalho que venho desenvolvendo há 12 anos. Precisamos chamar a atenção de toda a sociedade e dos órgãos públicos para a causa da necessidade de garantir acesso à justiça para todas as mulhetes que sofrem violência”, ressalta Maria Gabriela.

Gabriela é coordenadora do Núcleo de Combate à Violência Doméstica em Taboão da Serra, representa o Ministério Público do Estado de São Paulo na CPI da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, participa da COPEVID – Comissão de  Promotores de Justiça de todo o Brasil que atuam no enfrentamento da violência doméstica - e é diretora da APMP Mulher (departamento da associação paulista do Ministério Público).  O trabalho da promotora conta também com  5 projetos contra a violência doméstica: Tempo de Despertar, Maria Linda, Educa-ação, Instruir e Movimento pela Mulher, este último sendo uma ação independente. Ela é  militante na luta contra violência  sofrida por mulheres

Sobre Maria Gabriela Prado Manssur e seus projetos

Formada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), Maria Gabriela ingressou no Ministério Público em 2003, sendo aprovada em segundo lugar no concurso público. Durante os anos na faculdade, ela sempre quis lutar pelos direitos das mulheres e decidiu que trabalharia em prol das mulheres. Atualmente, Maria Gabriela atua como coordenadora do Núcleo de Combate à Violência Doméstica da Grande São Paulo II, representa o Ministério Público do Estado de São Paulo na CPI da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, participa da COPEVID – comissão de promotores de justiça de todo o Brasil que atuam no enfrentamento da violência contra a mulher- , é diretora da APMP Mulher (departamento da associação paulista do Ministério Público); e é autora de projetos contra a violência doméstica (veja abaixo) e tem em seu currículo mais de 100 palestras sobre o tema.

  -  Movimento pela Mulher: corrida com grupos de mulheres que já sofreram algum tipo de violência seja ela física ou psicológica, com o objetivo de melhorar a autoestima da mulher. Enquanto o projeto não sai do papel, Gabriela organiza o projeto por conta própria. A última edição do evento reuniu 2 mil pessoas.

   - Educa-ação: palestras em escolas públicas para adolescentes que já estão iniciando suas atividades amorosas com o intuito de prevenir à violência e “catequizar” os garotos para que as mulheres sejam respeitadas. O objetivo do projeto é a prevenção da violência através de noções básicas sobre todas as formas de violência contra a mulher. Até o momento Maria Gabriela visitou mais de 10 escolas atingindo aproximadamente quatro mil alunos.

  -  Instruir:  projeto voltado para os profissionais que trabalham no atendimento às vítimas auxiliando com informações jurídicas de forma a qualificar o atendimento e garantir os acessos aos direitos previstos na Lei Maria da Penha.

 -   Maria Linda: visa levar informação sobre os aspectos jurídicos da Lei Maria da Penha, violência de gênero, empoderamento da mulher, direcionado tanto para a rede protetiva dos direitos da mulher quanto para a comunidade de uma forma geral.

 -   Tempo de Despertar: voltado para homens agressores, o projeto promove encontros em que é discutido o machismo, Lei Maria da Penha e os direitos nela previstos e o desrespeito às mulheres.

24/05/2018

Procon de Itapecerica multou posto acusado de vender combustíveis com preços abu

O Procon de Itapecerica da Serra multou o posto de gasolina que estava vendendo gasolina a R$...

24/05/2018

Em Taboão, Café Sensorial promove protagonismo de pessoas com deficiência

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD), ligado à Secretaria de Assistência Social...

24/05/2018

Motoqueiros fizeram ato na Régis, no centro de Taboão em apoio ao protesto

Motoqueiros realizaram protesto no início da noite desta quinta-feira 24, contra o aumento no...

23/05/2018

Governo faz reunião para discutir greve de caminhoneiros

O governo convocou para hoje (23), às 14h, uma reunião para discutir a paralisação dos...

11/05/2018

Após 6 meses de vigência, reforma trabalhista espera regulamentação

Meio ano após a implantação da reforma trabalhista, os resultados das mudanças ainda não são...

11/05/2018

Centro de Formação Continuada de Embu capacita 50 novos Guardas Civis

No dia 06 de Abril o Prefeito Ney Santos inaugurou as instalações do CEFECON (Centro de Formação...

11/05/2018

Em comemoração ao Dia das Mães Bom prato terá cardápio especial nesta sexta

Para comemorar o Dia das Mães que será celebrado no domingo, 13, as unidades do Bom Prato terão...

09/05/2018

Preço da cesta básica diminui em 16 capitais em abril, diz Diesse

A cesta básica diminui em 16 capitais no mês de abril, segundo dados da Pesquisa Nacional da...

08/05/2018

Vereadores e prefeito entregam título de Cidadão Taboanense ao padre Weliton

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva e os vereadores Cido da Yafarma, Dr....

26/05/2018

Caminhoneiros mantém bloqueio na BR e recebem apoio de moradores de Embu

A greve dos caminhoneiros, que teve início na segunda-feira (21), continua na rodovia Régis...

26/05/2018

Audiência Pública irá avaliar prestação de contas da saúde pública em Taboão

A Comissão Permanente de Saúde da Câmara Municipal de Taboão da Serra realiza na próxima...

26/05/2018

Comissão de Direitos Humanos debate Empoderamento Feminino em Taboão

A Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Taboão da Serra debateu o Empoderamento...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.